A voz dos cooperados #3: a visão dos catadores que integram o Programa Recicleiros Cidades

O Programa Recicleiros Cidades, que estrutura um sistema eficiente de coleta seletiva e reciclagem partindo do zero, gera impacto positivo tanto no município, quanto na vida das pessoas que mais precisam. 

Do ponto de vista ambiental, contribui para a limpeza urbana, além de atuar na preservação dos recursos naturais e do meio ambiente. Já no aspecto social, transforma a vida de pessoas em situação de vulnerabilidade – a maioria catadores de materiais recicláveis.

A partir da criação de uma cooperativa de reciclagem no município, essas pessoas passam a integrar uma Unidade de Processamento de Materiais Recicláveis (UPMR) e assim garantem uma renda digna, condições adequadas de trabalho, além de treinamentos e formações, com capacitação técnica e humana promovida pelo Instituto Recicleiros.

Leia também:

A voz dos cooperados #1: o impacto social proporcionado pelo Programa Recicleiros Cidades

Cooxupé fecha parceria para doar cerca de 15 toneladas de recicláveis à Recicla Guaxupé

Recicleiros promove Live para debater como Créditos de Massa Futura podem impulsionar a reciclagem

Veja abaixo alguns depoimentos de cooperadas que atuam nas cooperativas de reciclagem incubadas pelo Instituto Recicleiros.

“Estou na Recicla Guaxupé desde a fundação. Fiquei muito tempo desempregada e quando vi a oportunidade, segui todos os passos da seleção e consegui a vaga e, com isso, a tão sonhada independência, além da certeza de saber que você é necessária para algo. Comecei na produção e, hoje, ocupo a presidência da cooperativa, onde estou aprendendo muito com todos, descobrindo que sou capaz de muitas coisas e crescer profissionalmente. Depois que entrei na cooperativa, consegui também uma estabilidade econômica boa, tirei minha tão sonhada habilitação e já estou partindo para o almejado carro e, em breve, minha casa própria. Essa é minha expectativa na Recicla Guaxupé: realizar meus sonhos e ter uma vida confortável.” 

Daniela Paulino, 44 anos, Recicla Guaxupé.

“Depois que entrei aqui mudou muita coisa na minha vida. Consigo pagar minha casa, meu filho conseguiu um carro, graças a Deus. Eu não tinha emprego e não conseguia pagar as minhas contas, era difícil para mim. Muita coisa boa aconteceu na minha vida.” 

Maria Aparecida Vieira dos Santos, 57 anos, Recicla Caçador.

 

 

"Eu fiquei algum tempo sem trabalhar e estava precisando, então Recicleiros entrou em contato comigo e me chamou para atuar na cooperativa Recicla Piracaia. Estou aqui há mais de 2 anos, trabalhando com gosto e aprendendo muito. Hoje até faço parte do setor financeiro da cooperativa. Fico feliz porque agora consigo pagar meu aluguel, sustentar meus dois filhos e até meus animaizinhos. Também retomei os estudos; estou no sexto ano e pretendo concluir o ensino fundamental. Quero expressar minha alegria por trabalhar aqui. Mesmo com as dificuldades, gosto muito e tenho orgulho de fazer parte da cooperativa Recicla Piracaia.”

Maria Nazaré, 53 anos, Recicla Piracaia.

Atualmente, mais de 300 cooperados em 14 municípios brasileiros são diretamente beneficiados com o Programa Recicleiros Cidades.